22/07/2017

Caixa de Pássaros: Netflix compra os direitos para adaptação cinematográfica do aclamado thriller de Josh Malerman que terá Sandra Bullock no elenco


Não são só as séries que despertam a atenção da Netflix. A empresa de produção de conteúdos audiovisuais, de origem americana, está a apostar na adaptação de livros para o cinema. “Caixa de Pássaros” (Bird Box no título original) já tem os direitos adquiridos para se tornar um filme. Aliás, a atriz Sandra Bullock já está confirmada para o elenco. O seu autor, Josh Malerman, mantém assim, a adrenalina em alta, após a chegada do seu mais recente thriller ao Brasil, pois, “Piano Vermelho” foi recentemente publicado pela Editora Intrínseca.


O mencionado thriller será adaptado por Eric Heisserer, argumentista e produtor norte-americano, conhecido por filmes como Arrival e Lights Out. A realização será da responsabilidade da cineasta dinamarquesa Susanne Bier, responsável pela realização de filmes como The Things We Lost In Fire (2007) e Serena (2013).
Malorie e as suas duas crianças fazem parte de um grupo restrito de sobreviventes a um incompreensível surto, ocorrido há 5 anos atrás. As causas que provocaram esta gigante razia da raça humana ainda não são conhecidas, e, além disso, ninguém está a salvo, por isso, todo o cuidado é pouco. Basta um olhar e, numa fracção de segundo, pode ser desencadeado um impulso violento, que na pior das hipóteses, poderá levar ao suícidio. 
No entanto, a protagonista sonha com a fuga para um local onde a sua família possa ficar em segurança. Todavia, a viagem não se avizinha nada fácil. Ela sabe que um erro seu será o bilhete de ida para o mundo dos mortos.

O thriller de estreia de Malerman é, sem sombra para dúvidas, um livro que envolve o leitor do princípio ao fim e espelha a essência do medo que está presente ao virar de cada página. 
O início das gravações está previsto, já, para o mês de Setembro na cidade de Los Angeles.

Para quem ainda não leu, pode comprá-lo no site da Amazon:

Para os leitores portugueses, infelizmente, ainda não foi publicado no nosso país. Contudo, podem comprar, a edição em inglês, na WOOK:

Nenhum comentário:

Postar um comentário